quarta-feira, 14 de março de 2012

A Corrida dos Ratos

No mundo de hoje, as pessoas vivem correndo e estão sempre atrasadas. Correm para pegar o ônibus, buzinam para ultrapassar o outro carro, falam no celular, olham no relógio e correm e correm e correm. A maioria dessas pessoas não chega a lugar algum e estão sempre reclamando.

Infelizmente esta corrida tem um nome. Assista aos vídeos abaixo e você também saberá.











Se você acha que está nesta corrida, não precisa se envergonhar, a maioria da população brasileira também está.

Agora, eu lhe pergunto: Você quer sair desta corrida?

Se você quer sair mesmo, eu conheço um caminho que leva à saída.
Leia as outras postagens e assista todos os vídeos



Renda Residual

Você já ouviu o termo:  RENDA RESIDUAL?


Não? 


Então assista ao vídeo abaixo.












Se você ainda não sabe como construir o seu encanamento eu posso lhe ajudar.
Leia os artigos e assista os vídeos abaixo.


Crédito

Cartão de crédito. Com ele você faz pagamentos em lojas, comércios e todos estabelecimentos que aceitam esta forma de pagamento e ainda pode fazer saques em dinheiro nos caixas automáticos, sendo que para estes saques existe um limite pré estabelecido que é um valor menor que o limite total do cartão.




A parte não muito agradável do cartão de crédito é que primeiro você compra e depois paga. No final do mês chega a fatura (conta) das compras que você fez com o seu cartão de crédito.

Quando você faz uma compra com cartão de crédito, você está se comprometendo a pagar, para a instituição que lhe enviou o cartão, a quantia que você usou para fazer a compra, em contra partida a instituição paga a sua compra à vista. Essas instituições são chamadas operadoras. O comprometimento de pagar  acontece  quando, você assina o recibo que o comerciante lhe apresenta na hora da compra, ou quando você dá o seu consentimento por telefone ou internet ao informar o código do cartão.

Quando você receber a fatura, deverá fazer o pagamento até a data que está na fatura. Caso você não faça o pagamento até a data que está na fatura, aquele valor será acrescido de juros que, aliás, são altíssimos e podem se tornar uma verdadeira dor de cabeça.

Na fatura do cartão de crédito existe um valor bem menor que o total, chamado pagamento mínimo. Se você optar todo tempo por pagar esse mínimo, a cada mês a sua conta fica maior e, quando você perceber já estará com uma dívida enorme e não vai mais ter condições de pagar de uma vez, aí vai para a negociação, seu nome fica com restrição no SPC e SERASA, enfim, comprar à prazo? Só depois que pagar.

Têm pessoas que adoram essa modalidade de compra. Eu particularmente, já tive várias dores de cabeça com cartões de crédito no passado. Hoje? prefiro os cartões de débito.



No Brasil existe uma carência de educação financeira. Se as crianças fossem ensinadas, já na escola, a como administrar o seu próprio dinheiro, a maioria dos endividados de hoje não o seriam. 


Fica aqui o meu apelo para que os empresários, os endividados, os compradores compulsivos, os investidores e, a quem interessar possa esta causa,  levantem-na junto ao governo deste País.




quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Débito

O Cartão de Débito é a forma ideal de fazer suas compras, desde um jornal até o seu rancho do mês.
O Cartão de Débito substitui os cheques e o dinheiro. 



Temos o cartão ideal para você. 
Um cartão de compras que funciona na modalidade débito.
Pré-pago e recarregável.
Sem consulta ao SPC ou SERASA.



Assista aos vídeos de apresentação deste fantástico negócio










Clique Aqui para conhecer o CARTÃO e o Programa de Incentivo que poderá fazer de você um(a) milionário(a).